Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fui. Sou. Serei...

Pensamentos do (meu) mundo.

Fui. Sou. Serei...

Pensamentos do (meu) mundo.

04.Set.18

A verdade num olhar

Observo-te a dançar,

O teu vestido esvoaçando,

O vento como teu par.

 

Deste lado estou eu,

Escondido, para não te assustar.

Pois a mais bela dança

Não quero eu te negar.

 

Como consegues,

O meu canto assim iluminar?

De tão grande que é o mundo

Como foi uma flor aqui parar?

 

Rodas as pétalas como tecido,

Abraças o vento consentido,

Danças em ti e sobre ti

E beleza nenhuma existe assim!

 

Mas tu estás aqui...

 

Só tu, minha flor,

Te apresentas assim.

Nada mais do que és

Te fazes ou aprazes

Pois a tua beleza não engana,

Nem mesmo a mim.

 

És tudo aquilo que te mostras,

És a verdade de ti mesma!

És onde pessoas como eu se refugiam,

De já tão negras que somos por dentro...

 

És a única verdade do meu olhar.

9 comentários

Comentar post